quinta-feira, 9 de março de 2017

Tenho observado nas ultimas madrugadas, um canto impressionante de passarinhos. Nao preciso de me assomar ás terrazas; desde o meu sofá, ás quatro da madrugada, consigo escutá-los.
Cantam na escuridão como se houvesse sol.
(...)

Sem comentários:

Enviar um comentário