quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Nao sei se é por estarmos a entrar na recta final do ano, de mais um ano que termina e que passou a voar porque se calhar, ainda assim, nao o soubemos viver tão bem como deveríamos, que me sinto estes dias mais tristonha, mais pensativa, mais cansada da mesmenhice dos dias.
Nao sei mais se valeu a pena tanto esforço em recomeçar a vida de novo aqui. Longe da minha familia, a faltar de forma irremediável ao crescimento da minha little mermaid, a viver so decepções atras de decepções e entretanto se havia estrelas foram-se apagando, ja nem sequer vislumbro as coisas com as quais sonhei la atras.
Adormeceu-me a vontade e a alegria.
(...)

Sem comentários:

Enviar um comentário