sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Dia livre

Muita preguiça no lombo, quarenta coisas na agenda.
Ontem passei o dia praticamente ao telefone. Impossível continuar assim, tenho que me organizar e nas folgas desligar mesmo a ficha. Tenho que saber ficar em primeiro lugar, aprender a dizer nao, estabelecer prioridades, organizar os meus dias sem falhar as pessoas que amo mas sem que para isso tenha que falhar a mim mesma. A anemia de que sou portadora obriga-me a descansar como deve ser e eu tenho feito disso uma historia para boi dormir. Assim vou envelhecer mais depressa, vou falir mais depressa, vou trabalhar pior durante a semana a seguir as folgas, vou ficar mais intolerante com tudo e todos, mais e mais cansada e sem brilho na pele e no olhar.
Ha duas coisas que eu preciso aprender ja: a ser paciente e sobretudo a ser organizada.
Crescer doi, afinal.

Sem comentários:

Enviar um comentário