terça-feira, 25 de outubro de 2016

Tenho muitas saudades da minha sobrinha, todos os dias penso nela. No ultimo video no portão do colegio, disse-me que tem saudades de dormir comigo. E esta tão grande, tão bonita.
Um dia ela vai compreender porque fui eu capaz de ficar longe, de ficar sozinha. Vai compreender que os sonhos as vezes cobram-nos um preço. E que ha uma serie de aprendizagens que so se fazem, vivendo.
Talvez um dia eu cresça ou me canse, ou fique de algum lugar. Talvez um dia a tia nao precise de continuar a viver de mala sempre feita.
(...)

Sem comentários:

Enviar um comentário