quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Flash





Saudades profundas da ilha, da minha Africa na Europa. Nao dos 34 graus que a mãe me disse que estavam ontem. Mas da luz, do silencio, da tranquilidade. De todos os dias serem dias grandes, de as rosas nao serem so flores de Maio, de Viver.

Sem comentários:

Enviar um comentário