quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Da ternura


Encontrei-os esta semana numa rua principal da cidade, onde alem deles ha mais artistas de rua. Envoltos em uma aura magica, transmitem uma ternura indescritível; poucas vezes vi um pai olhar assim para um filho.
Aparte julgamentos - que é tão fácil julgar - é tão bonito o que fazem, aqueles pássaros no ombro e no chapéu do menino fazem-nos sentir numa especie de conto de fadas.

Sem comentários:

Enviar um comentário