sexta-feira, 8 de julho de 2016

Hoje escrevi uma carta, como se escrevia antigamente.
Dessas que levam postal da terra, escritas com letra desenhada, com selo colado humedecido com a língua.

Sem comentários:

Enviar um comentário