quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Abrir um vinho e comemorar:
Enamorada hasta las trancas, por quien no me quiere.
O importante não é saber que ele está na China ou em Fradelos, o importante mesmo, mais do que a confirmação de que ele existe, é saber e sentir que depois de tudo, o meu coração é como esses pássaros que não se obrigam a qualquer inverno.

Sem comentários:

Enviar um comentário