domingo, 12 de julho de 2015

Da vida quando nos quer surpreender

Uma segunda-feira e eu em casa. Resulta estranho, sabe estranho. Como se uma serie de gente se tivesse sentado a traçar um plano para construir uma casa e eu votasse contra pelos riscos demasiado elevados. Não consideraram e o que sempre foi evidente mas que só eu via, começa agora a estar à vista de todos. Eu, em casa numa segunda-feira.
Com o passar dos anos há uma coisa que tenho aprendido: a ter alguma calma interior, porque para onde quer que a vida me leve, ela sempre me vai estar a levar para o lugar certo.

Sem comentários:

Enviar um comentário