domingo, 28 de junho de 2015

"He hecho canciones de putas, no las hare de quienes las pagan con tarjeta."
Joaquin Sabina

Nao deixes para amanhã

O Joaquin Sabina desmarcou o concerto aqui nas ilhas. Que pena nao o ter visto daquela vez em Barcelona...

A Grecia

Lembra-me a do "prognosticos prognosticos, so no fim do jogo." Era de esperar, infelizmente.
Continuo a nao aceitar o novo acordo ortografico. Irrita-me perceber como a comunicacao social - que era quem deveria ter batido o pe logo em primeiro lugar porque sempre serao quem realmente tem algum poder - aderiram quase de imediato. Os rodapes do telejornal sabem a um portugues de quinta categoria.

Uma tarde excelente

Depois de um dia arduo de trabalho, aqui sentada a ver as noticias em portugues e a beber um vinho branco gelado: Cartuxa, Evora, colheita 2013. Divino.

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Meu Amor

Hoje cumpres quatro anos.
Em tao pouco tempo cresceste sem parar, aprendeste um mundo de coisas, desenvolveste a tua propria personalidade. Gostas de desenhar e divertes-te com o ingles; gostas tanto de pedras como eu. Nao das beijos quando te pedem e sim quando tens vontade. Pensar que aos tres, chegaste a casa e disseste "Tia hoy me he ido a la playa, y sabes que? Otavio me salvo! Otavio es un caballero...", e eu quase tombei de espanto. Pensar que quando te vejo correr pela casa em tom maroto enquanto repetes aquela lenga-lenga "A que no me pilla, cara de tortilla!", e ris tao alto e tao livre, e tao feliz... Respiro em paz nesses instantes. Gostava que todos os meninos do mundo fossem felizes como tu es minha querida. Para ti peço mais dias assim, cheios de sol, de familia, de aprendizagens, sempre preservando o teu riso, a tua pureza.
Quatro anos nas nossas vidas, nao sei como pode ser que antes fosse sem ti...

quarta-feira, 24 de junho de 2015

"Recordo um alentejano da raia, velho duns oitenta e tal anos, com que me cruzei algumas vezes na sala de espera do IPO. Aparecia sempre de fato, o mesmo fato, de colarinho apertado sem gravata. Quando era chamado, avancava cheio de dignidade, como um principe e lhe digo que nunca vi gravata mais bonita do que aquela que ele nao trazia. Sabe, somos um pais de principes."
Antonio Lobo Antunes
Algumas pessoas não compreendem o que quero dizer quando digo que mesmo sem contacto físico, eu nunca me perco das pessoas que amo ou que de alguma forma construiram alguma parte importante da pessoa que sou hoje. Eu nunca me perco dessas pessoas, ainda que elas se percam de mim. Hoje recebi uma mensagem do tão querido enfermeiro Serafim Jorge, com quem não falo em presença física ha mais de oito anos, como resposta a um email que enviei a uma carripana de amigos e gente conhecida.
Dizia "Adorei, fiz um print para ter em cima da minha secretária. Um beijo."
E eu fiquei feliz. Aquele texto tão bonito foi parar a um dos lugares mais importantes do mundo: a secretária do enfermeiro Serafim Jorge. Mais do que isso, ele deu-se ao trabalho de me agradecer a partilha do texto e expressar que o sentiu da mesma forma e com a mesma importância que eu senti.
Não são precisas grandes coisas, basta continuar a falar a mesma língua, a única universal, a do coração.

terça-feira, 23 de junho de 2015

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Dias grandes

 

Porque sao dias de verao, porque estamos com os Amigos, porque o azul do ceu e o azul do mar se confundem de forma tao magica. Dias que nos lembram o que nos faz sentir a casa de praia ou o retiro na montanha, em que a luz do sol tem o poder de nos acender as luzes do caminho.

sexta-feira, 12 de junho de 2015

E para matar a fome à alma, para dar colo à dor, sai para comprar um livro:
El libro de los abrazos, de Eduardo Galeano.

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Quando a tristeza é bem grande

Quando é bem funda, fico sem lágrimas. Em dias como o de hoje, vale pouco a pena andar aqui. (...)

terça-feira, 9 de junho de 2015

Morreu o actor Nuno Melo e eu gostava mesmo dele. Sinto-me envelhecer. Partes do nosso mundo pessoal, do nosso trajecto a nível de crescimento enquanto gente comum, vao parando no caminho, como se estivéssemos todos num bus e eles fossem dizendo aqui fico nesta paragem... E de repente olho os lugares para sentar e ja ha tantos vazios. A doença traz sempre sofrimento mas também sabedoria, o Nuno foi embora deste mundo com a missão cumprida, como eu acredito que vamos todos.

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Adenda ao post anterior

A vida é bela

Para mim nao é sexta-feira e eu nao estou apaixonada.
Mas que importa isso se trago ca dentro uma sensacao de felicidade mesmo grande por saber que coisas tao boas acontecem na vida de pessoas que estimo tanto.

quarta-feira, 3 de junho de 2015

Wonderland

No passado dia da criança comprei um livro infantil, um livro tao especial que quando li senti que foi escrito exclusivamente para mim.
(...)
Hoje na farmacia quase me perdi em nervos. Entrei com intencao de comprar um hidratante para o rosto. Embora use um sugerido pela dermatologista sinto que a marca alterou o produto e ultimamente nao me sinto tao satisfeita como no inicio. A menina que me atendeu tentou impingir-me tudo o que e anti-rugas. De repente vejo-me com quatro famosas marcas diferentes a minha volta e nada do que eu tinha requisitado. Repito-lhe um milhao de vezes que nunca usei nem quero usar um creme anti-rugas, so quero um bom hidratante com muita agua de base e nada das mil e quinhentas porcarias que ja conhecemos. Ela, impaciente, diz-me com ar de profundo enfado e quase de despeito "Ai somos pessoas tao diferentes! Nao consigo compreender como alguem pode gostar de rugas, eu faco tudo por evita-las!" Nesse instante tive a certeza de que nao lhe ia comprar nada. Eu tenho trinta e seis anos e aquela miuda deve andar nos trinta. Virei costas e deixei-a com as sete maravilhas para ser eternamente jovem, que acho muito bem que as use, so quero ter a liberdade de eu nao as querer usar. 
Cada vez mais me sinto um bicho raro neste mundo, e cada vez menos  - confesso - gosto das pessoas, deste tipo de pessoas. Sem pingo de amabilidade, de empatia, de graça, de encanto, de profissionalismo.