terça-feira, 2 de dezembro de 2014

A filha bastarda de Africa

Quatro gotas caidas do ceu, duas semanas seguidas de alguma humidade, e a ilha esta cheia de uma "penugem" verdejante. Um verde fresco, vivo, juvenil, que nos faz adivinhar o quanto esta terra é fertil.
Alem do verde, devido as chuvas numa ilha de sol, parece ter chegado a estação dos arco-iris. Todos os dias vejo um; costumam ser gigantes, de cores intensas. E as pequenas lagoas ao sol trazem libelinhas, e porque a terra agradecida tem memoria eu suspeito que por causa destas chuvas generosas a proxima Primavera vai chegar mais cedo.

Sem comentários:

Enviar um comentário