domingo, 12 de outubro de 2014

Hoje parei para pensar, pela primeira vez, na possibilidade de tudo dar errado. Mesmo assim tenho que seguir em frente, se os finais fossem previsiveis viver nao seria uma aventura.
Ir, sem medo. É a unica forma de saber como será.

Sem comentários:

Enviar um comentário