quinta-feira, 12 de junho de 2014

Ainda não eram oito horas da manhã e eu já estava a tomar banho de mar. Um mergulho, três ou quatro fotografias, absorver aquela calma imensa e desfrutar daquele sol light tão inspirador e saudável, e regressar a casa cheia de mim.
São três horas da tarde e ainda tenho o sal do mar na pele.

Sem comentários:

Enviar um comentário